Dívida não reconhecida gera indenização

Cliente entrou na justiça contra banco, na Comarca de Matias Barbosa, porque teve seu nome negativado no SPC e SERASA/SA, devido à cobrança de dívida que, segundo ele, não contraiu.

A pessoa afirmou que era cliente do banco há mais de 5 anos, o  e nos anos de 2012, 2013 e 2014 teve seu nome negativado por uma dívida que não reconhece, fato que impediu a realização de uma compra em um comércio próximo a sua casa.

Na sentença foi julgado procedente o pedido do cliente, que definiu uma indenização de R$5.000,00 pelos danos morais sofridos, resolvendo o processo, com julgamento do mérito.